quinta-feira, 5 de julho de 2012

GUARDA MUNICIPAL DE JUAZEIRO (BA): AÇÕES AJUDA A MANTER A ORDEM PÚBLICA

A Guarda Municipal vem desenvolvendo um trabalho de ronda diária em Juazeiro com o objetivo de coibir o tráfico de drogas, prostituição, alcoolismo e permanência de usuários nos pontos principais da cidade. As ações de repreensão fazem com que moradores e comerciantes tenham uma maior segurança e olhar diferenciado a estes profissionais.

Duas equipes se revezam a cada doze horas mantendo a ordem em pontos como: Escolas, Arco da Ponte, a Orla Nova (Casarão) e a parte baixa das barquinhas. Com a efetuação de várias abordagens no período da noite, somente neste mês foram apreendidas 13 armas brancas e aproximadamente 2 quilos de cachimbo de crack. “Prestamos atenção no modo de agir das pessoas. Pois se há algo errado, logo ficam nervosas e tentam disfarçar olhando para cima ou mexendo nos bolsos. No caso de ocorrência, nós registramos e encaminhamos o suspeito”, diz o Comandante Elias Rodrigues.

Com a ação rotineira da guarda municipal o tráfico de drogas é dificultado e os usuários perdem o costume de utilizar espaços públicos para tal ato. Segundo o comandante Elias, sabe-se que o problema dos dependentes não é por inteiro resolvido, mas que a coorporação tem contribuído para a dimunição dos atos ilícitos, como o trabalho realizado em conjunto com a Secretaria de Serviços Públicos (SESP), através da manutenção de iluminação, poda das árvores e matagal. “O trabalho social no arco da ponte também é uma das atividades que inibem esses usuários. Se o espaço público é bem utilizado, bem iluminado e sem sombreamento de mato e nem árvore, eles não ficam”, completa o comandante.

Abigail Gomes tem um Box como ponto de restaurante e lanchonete no Arco da Ponte há 10 anos e só agora se sente mais segura. “Antes aqui era uma sujeira, um mau cheiro, cheio de dejetos, e, além disso, morria de medo de vir abrir pela manhã o box porque alguns até dormiam aqui. Agora está bem melhor. Nesse ultimo mês está mais limpo e mais seguro também. Nos últimos dias não vi mais nenhum estranho nesta área”, conta a comerciante.

O comandante ainda explicou o trabalho da Guarda Municipal. “Não só é de prevenir, mas principalmente de repreender e conduzir àquele que possa vir afetar a rotina da população. Nós cuidamos do espaço público, mas também nos importamos com as pessoas que o ocupam. A guarda municipal cuida de pessoas mais do que de espaços. Afinal a vida é mais importante”, coloca Comandante Elias Rodrigues.

Um comentário:

OK disse...

Cachimbo e faca de serra, é fácil e não diminui a criminalidade, eu quero ver é apreender arma de fogo, por que, mais de 90 por cento do homicídios, são cometidos com arma de fogo! e como diz o rato calunga makalim "mim poupe".