quinta-feira, 19 de julho de 2012

Empreguete é presa por furtar mais de 6 mil reais da patroa

A empregada doméstica Cláudia Gomes de Jesus, 37, residente no bairro Baraúnas, foi presa na tarde de hoje (19), no bairro Jardim Cruzeiro, por policiais do Serviço de Investigação da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), que tem o comando do delegado André Ribeiro. Ela é acusada de furta da patroa (nome não revelado) a quantia de R$ 6.300.

Segundo a polícia, Cláudia furtou o cartão com a senha do banco da patroa e no dia 31 do mês de maio fez o primeiro saque, no valor de R$ 400. De lá para cá, em dias alternados, a mesma fazia os saques em caixas eletrônicos do Banco do Brasil em diversos valores, como 200, 300, 400 e 500 reais. O último saque foi feito pela empregada na última quarta-feira, quando sacou a quantia de 100 reais.

A VÍTIMA

Uma terapeuta, que reside no centro da cidade e não quis ser identificada, contou para a reportagem que Cláudia trabalhava em sua casa há sete meses. “Eu só desconfiei agora, por que estava guardando um dinheiro para poder fazer uma cirurgia. Ontem (quarta-feira), precisei mexer na minha conta e quando tirei o extrato percebi que alguém estava retirando o dinheiro sem minha autorização”.

A terapeuta contou ainda que, “quando fui ao banco para saber como meu dinheiro estava sendo retirado da conta, o gerente me mostrou as microfilmagens dos caixas eletrônicos do dia e hora do saque da minha conta. Quando fui ver, era ela (Cláudia). Aí tive que vir até a delegacia e registrar a queixa”.

Após a queixa registrada, os investigadores foram até a agência do Banco do Brasil e, ao confirmarem que a pessoa que aparecia nas filmagens dos caixas eletrônicos era Cláudia, os policiais foram até a residência da mesma, não a encontrando. Ela foi presa no Jardim Cruzeiro.

Cláudia foi autuada em flagrante por furto qualificado. No final da tarde de ontem, após ser ouvida na delegacia, foi encaminhada para o Conjunto Penal de Feira de Santana.

7 comentários:

Anônimo disse...

vai trabahar vagabunda, se isso fosse com minha mãe vc ia ver, agora fica com essa cara de Soninha Catatau de uma porra.

Anônimo disse...

tu viuu puta quer tirar o dinheiro dos outros ela i a familia dela er tudo disgraçados jenes.bia.maikon i entre outros kkkkk se fudeu. vai vender acaraje quii nem a outra disgraça kkkkk.

Anônimo disse...

Essa Claudia não é EMPREGUETE, é BANDIDETE de marca maior. Tem que devolver o diheiro roubado e passar um MAU TEMPO no Presidio, pois ALI É O SEU LUGAR, como diz a musica das empreguetes.

Anônimo disse...

ela só vez desvalorizar ainda + as domésticas aqui no brasil doméstica nao tem valor algum

Anônimo disse...

sou domestica há 18 anos trabalho com mesma familia nunca tive corangem d trazer um alfinete p minha casa!isso só faz desclasificar + a classe.

Anônimo disse...

TEM OUTRA QUE SE FAZ DE EMPREGADA DOMESTICA, E SAI ROUBANDO TUDO POREM AGORA ELA DEU UM TEMPO NOS ROUBOS NAS CASAS QUE TRABALHA E TA ROUBANDO NAS FESTA E TRAFICANDO... A IRANEIDE..... ISSO SO FAZ PREJUDICAR OS JOVENS QUE Ñ TEM NADA HAVER COM DROGAS E ROUBOS... ESSAS MISERAVEIS...

Anônimo disse...

tomem vergonha na cara de vcs e pare de se imcomodar com vida dos outros...e pra quem postou esse 2 comentario..eu nao sou desta familia... nao me coloque em bolo que nao sou fermento..e a familia dela num entra em nada que ninguem mandou ela roubner os outros. e ve se aprende a escrever meu nome direito viu puta que isso é arte de mulher desinpregada que num te o que fazer ou de algum dispeitado que tem inveja da mim e tenha ofuscar meu brilho mais fazer o que pra esses ai eu tenho pena que tenta chegar os meus pes e num chega perto nem dos meus dedos. jhenes