terça-feira, 3 de julho de 2012

Delegado afirma que: Rixa de mais de 10 anos motivou morte de ciganos na estrada

Uma rixa que já existe desde 1998 entre duas famílias rivais de ciganos motivou o crime que terminou com a morte de uma criança e dois homens no entroncamento de Saubara, no Recôncavo, na tarde do sábado (30). A informação é do delegado plantonista de Santo Amaro, José Carlos Mastique, que investiga o caso.

"Acreditamos que inclua dinheiro, alguma quantia, e a partir daí começou a matança entre uma família e outra", explica o delegado. Morreram no ataque três pessoas da mesma família, todas de Cruz das Almas - Caíque de Souza Almeida, 8 anos, Jorge Cordeiro Almeida, 31, e Gilson Almeida, 54 anos. Os suspeitos seriam de uma família de ciganos de Camaçari, onde o conflito teve origem. Os atiradores, no entanto, ainda não foram identificados - um deles é conhecido pelo apelido de Perdi.

Apesar de recentemente Santo Amaro ter vivido outro conflito entre ciganos, quando mais de 100 foram expulsos de um acampamento depois de um deles matar um funcionário de lava-jato, o delegado esclarece que os crimes não têm relação."Não tem nada a ver com Santo Amaro. Foi uma coincidência ter acontecido aqui perto", diz. O crime foi no entroncamento entre na a BR-420 com a BA-878

Único sobrevivente do ataque, Evanilson de Almeida Cordeiro, 34 anos, foi levado para o Hospital Geral de Camaçari (HGC) e transferido posteriormente para o Hospital Geral do Estado (HGE). Ele não corre risco de morrer e deve ser ouvido como testemunha na próxima semana. Ciganos parentes dos mortos foram ouvidos informalmente, porque se recusam a assinar depoimentos formais.

De acordo com o delegado, os suspeitos, que estavam em Fiesta, interceptaram o carro das vítimas, um Fiat Uno, e começaram a atirar. "Eles ainda tentaram fugir, sair, mas foram fuzilados", conta o delegado. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o Fiat tentou escapar mas foi perseguido, acabando por sair da pista e indo parar em um matagal.

Os corpos das vítimas já foi liberado pelo Departamento de Polícia Técnica de Santo Amaro.

As informações são do Correio.

4 comentários:

Anônimo disse...

O nome dele e BERGUI cigano de Camaçari,todo mes de junho ele mata ciganos rivais pra s vingar

Anônimo disse...

Eles se mereçem,tem q um matar o outro mesmo,e ñ uma pessoa de bem,eles tem é q se matarem entre eles mesmo,Oh raça ruim viu!!!

Anônimo disse...

entao a proxima morte so em 2013

Anônimo disse...

Só em 2013...kkkk?Se o mundo ñ se acabar esse ano,como andam dizendo por ai.......