quarta-feira, 13 de junho de 2012

Veículos roubados eram escondidos em hospital

Um esquema para esconder carros roubados em Salvador, estacionando-os por alguns dias no pátio do Hospital Geral de Camaçari (HGC), foi descoberto por investigadores da 18ª Delegacia Territorial (Camaçari), que recuperaram na última semana três veículos. Luan Reis dos Santos, 23 anos, e Alexsandro Lima da Cruz, 19, moradores de Simões Filho, foram presos em flagrante, na véspera do feriado de Corpus Christi, quando chegavam com um carro roubado e buscavam sair com outro já estacionado ali anteriormente.

“Eles acreditavam que assim poderiam despistar a polícia, deixando os veículos esfriarem para vendê-los posteriormente a receptadores”, explicou o titular da DT/Camaçari, delegado João Uzzum, ressaltando que o caso começou a ser acompanhado há 15 dias, quando uma médica teve seu Ecosport, cor preta, roubado, em Salvador. “Ao chegar ao HGC, onde trabalha, foi surpreendida ao ver o carro estacionado no pátio do hospital e registrou ocorrência”, acrescentou.

Segundo Uzzum, no mesmo dia, três ciganos estiveram na unidade policial para denunciar o roubo de correntes e anéis de ouro praticado por dois homens, quando estavam em um bar de Camaçari. Uma guarnição da PM foi acionada e, momentos depois, iniciava perseguição aos ladrões, a bordo de um Polo prata, com restrição de roubo. A dupla entrou no HGC, abandonou o carro e saiu em outro veículo sem deixar pistas.

“As duas ocorrência nos levaram a concluir que havia um esquema de roubo de carros, que utilizava o estacionamento do hospital como um entreposto”, classificou Uzzum, que investiga a participação de outros dois homens no esquema. Na quarta-feira (6), após o roubo de uma Saveiro, placa NZU-3839, em Salvador, no qual os dois ladrões eram descritos, uma campana – que durou sete horas – foi montada. Presos, Luan e Alexsandro foram reconhecidos pelas vítimas e autuados pelo delegado João Uzzum por formação de quadrilha e roubo qualificado.

Nenhum comentário: