segunda-feira, 21 de maio de 2012

Preso vaqueiro que provocou mutilação da companheira

Já está custodiado no Conjunto Penal de Teixeira de Freitas o vaqueiro Antônio Conceição da Silva, de 53 anos, o “Tonho Bernardão”, que tentou matar com uma foice, no município de Caravelas, a companheira Maria Aparecida Bertoso, 38. A violência dos golpes resultou na amputação das duas pernas da vítima, atendida num hospital da região. Os golpes de foice também provocaram ferimentos graves dos braços e nas costas.

O crime aconteceu no dia 17 de março deste ano, tendo o agressor sido preso na noite de sábado (19), ao comparecer à sede da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM/Teixeira de Freitas). Segundo a delegada titular Kátia Cielber Guimarães Garcia, que o indiciou por tentativa de homicídio, Antônio tinha um mandado de prisão preventiva em aberto.

Foragido da Justiça desde o dia do crime, o vaqueiro declarou no interrogatório ter atacado Maria Aparecida por ela o ofender com palavrões depois de ter consumido bebida alcoólica. Segundo a delegada responsável pela Coordenação das Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (Codeam), Carmem Dolores Bittencourt, “Tonho Bernardão” poderá receber uma pena entre seis e 20 anos de prisão.

Antes de ser preso, no sábado, o vaqueiro já respondia por outro crime de lesão corporal contra Maria Aparecida, ocorrida em fevereiro de 2010. Ele também já esteve preso pelo homicídio de Manoel Bernardo do Espírito Santo, na cidade de Alcobaça, em 22 de junho do ano 2000. “Tonho Bernardão” responde ainda por lesão corporal contra Vanuza da Silva Ferreira, atacada com um facão, no dia 23 de fevereiro deste ano, em Caravelas.

Fonte SSP-BA

Nenhum comentário: