quarta-feira, 16 de maio de 2012

Policiais do Gaccif prendem acusado de assaltar vários bancos no interior da Bahia

Na manhã de terça-feira (15), policiais do Serviço de Investigação do Grupo Avançado de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras (GACCIF), sob o comando do delegado Dermeval Amoedo, cumpriram o mandado de prisão preventiva contra João Vitor Lima Martins, conhecido como “Vitinho”, 25.

Segundo a polícia, Vitinho faz parte de uma das mais perigosas quadrilhas de assaltantes de banco que vêm aterrorizando os municípios baianos, principalmente os pequenos, onde o contingente policial é reduzido.

Ainda de acordo com o Gaccif, Vitinho é irmão de Jorge Antonio Martins da Silva, conhecido como “Jorginho”, preso em flagrante no dia 28 do mês passado, após roubar o Banco do Brasil de Ichu e trocar tiros com policiais.

Vitinho e o irmão Jorginho são acusados de participar de cinco assaltos a bancos no interior da Bahia. Os municípios onde ocorreram esses assaltos são: Amélia Rodrigues, no dia 11 de fevereiro deste ano; Conceição da Feira, em 13 de março; Terra Nova, 10 de abril; Anguera, 18 de abril, e Ichu, no dia 28 de abril.
Delegado Amoedo

O delegado Amoedo afirmou para a reportagem que o Gaccif já vinha investigando os assaltos a bancos e que, no dia 28 de abril, Vitinho e o irmão Jorginho participaram do assalto ao Banco do Brasil de Ichu, onde trocaram tiros com policiais militares. “Na troca de tiros, Jorginho foi baleado com um tiro na boca e foi socorrido até o Hospital Emec, pelos demais comparsas e seu irmão”.

Amoedo contou ainda que, “ao darem entrada no Emec, informaram que Jorginho teria sido vítima de um assalto. O fato de Jorginho ter dado entrada aproximadamente 2 horas depois do tiroteio ocorrido no município de Ichu chamou nossa atenção”.
Hildo morreu no mes passado em troca de tiros com policiais de Tocantins

Ainda de acordo com Amoedo, “como já estávamos investigando essa quadrilha que tinha dois irmãos como integrantes, demos continuidade às investigações. Descobrimos os dois participaram de, no mínimo, cinco assaltos contra instituições financeiras de cidades do interior, como aconteceu no município de Conceição da Feira, onde os irmãos juntamente com o ex-policial militar morto em troca de tiros no mês passado no estado de Tocantins, Hildo de Jesus Souza, e outros integrantes da quadrilha assaltaram o Banco do Brasil”.


ESPECIALIDADES
Jorginho

Segundo o Serviço de Investigação do GACCIF, a quadrilha rouba banco em várias modalidades – com explosivos, utilizando maçaricos e assaltos a mão armada. Eles sempre agem em bandos com armamentos pesados, para uma possível troca de tiros com policiais.

OS BANCOS

Na manhã do dia 11 de fevereiro, o Banco do Brasil do município de Amélia Rodrigues foi alvo de criminosos, que conseguiram explodir um dos caixas eletrônicos e levaram uma quantia ainda não conhecida pelos funcionários.

O crime aconteceu por volta de 7h30 da manhã. Moradores que transitavam pelo centro da cidade surpreenderam-se com o barulho da explosão. A ação dos bandidos foi rápida.

CONCEIÇÃO DA FEIRA

Na noite do dia 13 de março, um grupo de assaltantes fortemente armados invadiu o município de Conceição da Feira e, com maçaricos, arrombaram os caixas eletrônicos e roubaram dinheiro da agência do Banco do Brasil.

TERRA NOVA

Um caixa eletrônico do Banco do Brasil de Terra Nova foi arrombado na madrugada de terça-feira (10). Segundo a delegacia local, o gerente da agência informou que todo o dinheiro disponível no caixa foi levado, totalizando R$ 25 mil. Os assaltantes utilizaram um maçarico para abrir o equipamento e fugiram após o furto.

ANGUERA

Cerca de 10 assaltantes invadiram o município de Anguera e roubaram caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil. Segundo testemunhas, o arrombamento aconteceu por volta das duas horas da madrugada do dia 18 de abril. Os assaltantes usaram maçarico para abrir os caixas eletrônicos, que ficam a apenas 30 metros da delegacia do município.

ICHU

Os moradores dos municípios de Ichu e Candeal viveram momentos de pânico e terror durante a madrugada do dia 28 de abril. Uma quadrilha de bandidos arrombou um caixa eletrônico do Banco do Brasil de Ichu, levando pânico à população, após intensa troca de tiros policiais militares. Na mesma madrugada os criminosos também plantaram terror num lugarejo do município de Candeal, vizinho a Ichu.

Na delegacia, o acusado afirmou que apenas foi dar um socorro ao irmão, no dia 28 do mês passado, após o mesmo ser baleado durante uma troca de tiros com policiais militares. “Apenas fui dar o socorro ao meu irmão, nunca roubei nenhum banco”.

Jorginho já recebeu alta e foi conduzido para o Presídio de Segurança Máxima de Serrinha. Na tarde de ontem, Vitinho também foi encaminhado para um presídio da Bahia, nome não revelado.

5 comentários:

Anônimo disse...

todos os dois são filhos do POLICIAL CIVIL de nome JORGE que morava e trabalhava na cidade de Santa Luz, depois em Nordestina, que também é suspeito de fazer parte da quadrilha.

Anônimo disse...

os mesmos são filho de um policial civil,porque omitem sua filiação????

Anônimo disse...

Ai tem muita coisa e so chegar ao A de copa , o Pai,JORGE E papa CHARLE, CHEFE DE UMAS DAS MAIORES QUADRILHIA DE ASSALTO A BANCO, DA REGIÃO SISALEIRA, TEM MAIS DE 12 ANOS DE PRATICAS.. as armas estão em nordestina no garimpo do PAPA...

Anônimo disse...

aperta eles que tem mais eu conheço os dois tem lukas é vizinho deles pode apertar que ele solta

Anônimo disse...

Os pivete botava pra fuderr
Coitado do pai deles viu
só sei de uma coisa vitinho e jorginho eram meus amigos e nao fazia nada disso
ah vitinho sai logo desse lugar onde vc esta e volta pra mim gostosooo to aki pra te da tudooo que vc precisar