sábado, 26 de maio de 2012

Diretor garante: Reforma do presídio de Feira termina em julho

A primeira etapa da reforma do presídio regional de Feira de Santana deve ficar pronta até 15 de julho e a etapa final deve ser concluída em novembro deste ano, afirma o diretor do presídio, Edmundo Meméri. O presídio será ampliado em 1.250 vagas, num investimento de R$ 9 milhões do governo do Estado.

De acordo com o Edmundo Meméri, está sendo feita uma reforma total das celas, com novos equipamentos e nova estrutura. O diretor destaca que atualmente cada cela possui uma cama e que com a reforma passará a ter dois beliches, ou seja, três lugares a mais.

O número de presos que ocupam as celas hoje no presídio de Feira de Santana é de 750, sendo 630 homens e 120 mulheres. Nesse mesmo período do ano passado eram 780 homens e 80 mulheres, somando um total de 860 detentos aprisionados.

Essa redução do número de presos se dá por conta da reforma no prédio, como explica o diretor Meméri: “Os novos aprisionados estão sendo encaminhados para Salvador ou para Esplanada. Com isso, houve uma redução no número de detentos, uma vez que alguns estão cumprindo o final da pena”.

O diretor explica o porquê da aglomeração das celas hoje no presídio. “Essa aglomeração de internos nas celas tem diminuído bastante, mas isso ainda existe porque os presos aceitaram. Eles pediram para não saírem daqui de Feira, mesmo sabendo que iriam encontrar dificuldade de acomodações. Diante disso, levamos o caso às autoridades e elas então concordaram em permitir que o processo continuasse dessa forma”, esclarece.

Sobre o prazo das obras, Meméri garante que até meados de julho a primeira etapa será concluída. “Tivemos um problema com o projeto da estrutura metálica, que já foi refeito e as obras foram retomadas. Ainda estamos dentro do prazo de entrega e acreditamos que no dia 15 de julho nós já poderemos usar essa nova parte do presídio”, assegura.

Nenhum comentário: