sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Homem morre após cair de Mangueira

Na noite de quinta (26) morreu no Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA), José Josafá Carneiro, 53 anos, que residia na rua Bartolomeu de Gusmão no bairro do Sobradinho.

Segundo familiares, a vítima teria caído de uma mangueira no último dia (19), quando tentava tirar frutas no quintal de casa. O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

REVOLTA

Familiares de José Josafá ficaram revoltados com desleixo do HGCA e do DPT, já que José teria morrido na manhã de quinta-feira (26), por volta de 10h55, sendo que, apenas o hospital teria informado ao DPT, durante a noite. Funcionários do DPT foi pegar o corpo e informaram para os familiares, que no inicio da manhã de hoje (27), o médico iria fazer a necropsia.

“Como é que pode, já são 11h55 e não chegou nenhum médico, para fazer a necropsia do corpo do meu pai, desde ontem que estamos nessa, já perdemos um ente-querido e ainda temos que sofrer dessa maneira, tá implorando para que eles façam suas obrigações”.

A reportagem do Jornal Folha do Estado teve informações que o médico que deveria cumprir o plantão de ontem (27), não chegou, já que o mesmo mora em Salvador, mas, a direção do DPT conseguiu um médico daqui de Feira mesmo, onde chegou por volta de 12h para fazer as necropsias dos corpos que se encontravam no departamento.

MAIORES INFORMAÇÕES NO JORNAL FOLHA DO ESTADO QUE VAI ESTAR BEM CEDINHO NAS BANCAS

3 comentários:

Carlão. disse...

Os meus sentimentos à Família.Os nossos políticos não têm o menor respeito por quem já morreu, mesmo porque morto não vota.Eles estão preocupados agora é com a copa do mundo, um estado como a Bahia não cuida da saúde do seu povo agora quer sediar copa do mundo gastando mundos e fundos co construção de estádio porque aí a corrupção corre solta e é disso que eles gostam.

Anônimo disse...

Ótima pessoa. Vai com Deus.

Jesus Cristo conforte sua família.

Anônimo disse...

Ótima pessoa. Vai com Deus.

Jesus Cristo conforte sua família.