sexta-feira, 15 de abril de 2011

“Operação Poço” prende 13 acusados de tráfico de drogas e homicídios

video
A Polícia Civil de Feira de Santana, sob o comando do coordenador regional, delegado Fábio Lordello com apoio de mais duas coordenadorias, outras delegacias, no total de 11 delegados, 81 agentes de polícia desencadearam no inicio da manhã de ontem, por volta de 6 horas a “Operação Poço” nos bairros Queimadinha, Baraúnas e Parque Ipê, no intuito de combater o tráfico de drogas e homicídios, além de outros crimes. Durante a operação, um dos acusados de tráfico de drogas e homicídios, identificado como Tasio Bruno Brito Lima, 17 anos, reagiu a prisão e na troca de tiros, não resistiu e morreu.
A operação resultou na prisão de 20 pessoas, sendo que 13 acusadas de tráfico de drogas e homicídios, entre eles o chefe de uma das quadrilhas da Queimadinha, conhecido como “Mamai” com os acusados os policiais apreenderam 78 K de maconha, 500 gramas de cocaína, 03 veículos, 02 revolveres calibre 38, 01 pistola calibre 380, 174 cartuchos calibre 9 mm e a quantia de R$ 5.100,00, oriundo do tráfico.    
INVESTIGAÇÃO

O coordenador Fábio Lordello afirmou em entrevista coletiva para Imprensa que o Serviço de Investigação e Inteligência da Polícia Civil de Feira de Santana está monitorando todos os bairros da cidade com alto índices de criminalidade. “Após três meses de investigação, direcionada a uma das principais quadrilhas que atuam no tráfico de drogas, e nesta data foi desencadeada a “Operação Poço”, com objetivo de prender os principais envolvidos”, afirmou Lordello.

Segundo ainda o delegado, “a investigação foi realizada pela Delegacia de Tóxicos Entorpecentes (DTE), sob o comando do delegado Alexandre Narita, com apoio desta coordenadoria, também com a Superintendência de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (SSP), alem das coordenadorias de Alagoinhas e Santo Amaro da Purificação”.


Adicionar legenda
HOMICIDIOS

Entre os acusados presos nesta operação, o Serviço de Investigação da 2ª Delegacia, que tem o comando do delegado Madson Sampaio identificou dois presos desta operação, como autores de dois homicídios ocorridos recentemente e uma tentativa. As vitima dos presos foram identificadas como José Santos Marques Junior, conhecido como “Juninho”, 25 a nos e Gledson Abreu Ribeiro, conhecido como “Gueu”, 17 anos, além da tentativa de homicídio com Paulo Ricardo Augusto da Silva, 17 anos.

Tasio reagiu a prisão e morreu na troca de tiros
OS CRIMES

José Santos Marques Junior, conhecido como “Juninho”, 25 anos, foi assassinado com vários tiros de pistola calibre 380, deflagrados pelo carona de uma motocicleta de dados ignorados. O fato aconteceu por volta de 12h30 de quarta-feira (30), quando a vítima conversava com um amigo, nas proximidades da residência onde morava, localizada na Rua General Costa e Silva, bairro Baraúnas.

Gleidson Abreu Ribeiro, conhecido como “Gueu”, 17 anos, que residia no bairro Baraúnas, foi assassinado com quatro tiros de revólver na noite de quarta-feira (13), quando transitava pela Avenida José Falcão da Silva, nas proximidades de um posto de combustíveis. Os tiros atingiram cabeça e costas.

Adicionar legenda
CÓDIGO PENAL

Um investigador da Polícia Civil que não quis ser identificado afirmou para reportagem que “as policias civil e militar estão fazendo um trabalho bom na cidade de Feira de Santana, mas os índices de violência não caem graças ao “caduco código penal brasileiro”, que além das penas serem leves para os criminosos, ainda existem várias “brechas” onde os advogados orientam seus clientes e a justiça sempre acaba acatando e com irresponsabilidade coloca o criminoso de volta para o meio da sociedade”.

Adicionar legenda
De acordo ainda com o investigador, “só para a sociedade ter uma ideia do que está acontecendo, no mês de março passado, cerca de 80 presos do Conjunto Penal de Feira de Santana ganharam liberdade provisória para passar a semana santa com seus familiares, vale ressaltar, que a semana santa ainda é pra semana, mais os presos já ganharam a liberdade no mês passado”.

Outra coisa que chama atenção da fragilidade da lei, é o motivo de quando ocorrem uma prisão de traficante, homicida, entre outros crimes, ante do acusado chegar a delegacia, seus advogados já chegaram. “Na operação de hoje (ontem) vários advogados estavam “batendo cabeça” no Complexo Policial Investigador Bandeira para defender seus clientes, ou seja, eles sabem que existem brechas nas leis e brevemente esses criminosos estarão soltos nas ruas no meio de nossa sociedade”. Afirmou o investigador.


Garota libertada de centro de Umbanda


Lugelvan declarou que a agressão física à garota fazia parte de um “tratamento espiritual” para libertá-la de um demônio e curá-la de problemas cardíacos.

Num centro de Umbanda, situado no município de Caatiba, uma adolescente de 14 anos vinha sendo mantida em cárcere privado há vários dias, até ter sido libertada ontem (14) pelos delegados Marcus Vinícius de Moraes Oliveira, coordenador da 21ª Coorpin (Coordenadoria Regional de Polícia do Interior) e Roberto Júnior, titular da 1ª Delegacia, em Caatiba, que também prenderam em flagrante Lugelvan Cunha dos Santos, o “Pai Gaso”, proprietário do local.

“Graças a Deus vocês vieram me salvar”, agradeceu em prantos a garota ao ver os dois delegados e a equipe de investigadores, que a retiraram de um cubículo sombrio e repleto de imagens e símbolos satânicos, onde ela era constantemente submetida a agressões verbais e físicas pelo suposto pai de santo. Além de surrá-la e a agredir com uma palmatória, “Pai Gaso” obrigava a adolescente a dormir no chão sobre uma esteira fina.

Ao ser interrogado pelo delegado Marcus Vinícius, Lugelvan declarou que a agressão física à garota fazia parte de um “tratamento espiritual” para libertá-la de um demônio e curá-la de problemas cardíacos.

A bisavó e mãe adotiva da adolescente, de prenome Silerina 69 anos, revelou na delegacia que a bisneta sofria de “passamentos” tendo portanto consultado “Pai Gaso”, que a recomendou deixar a garota em seu terreiro, localizado no Distrito de São José do Colônia, para tratamento.

Lugelvan Cunha dos Santos, de 23 anos, foi autuado em flagrante pelos crimes de cárcere privado, maus-tratos e prática de curandeirismo. Ele ficará custodiado na Delegacia de Caatiba, à disposição da justiça da Comarca de Barra do Choça.

Secretário discute segurança pública em Feira


A poucos dias da realização da Micareta, o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, conversou hoje (15), em Feira de Santana, com o prefeito Tarcízio Pimenta, discutiu com vereadores as prioridades do policiamento no município e visitou as unidades locais das Polícias Civil, Militar e Técnica.

Pela manhã, após se reunir com o prefeito, Barbosa atendeu à imprensa, informando as novidades em termos de policiamento para a cidade, a exemplo da instalação de quatro Bases Comunitárias de Segurança. “Não escolhemos ainda os bairros, mas estamos realizando estudos para defini-los o mais rápido possível”, informou, ao tempo em que parabenizava a Prefeitura de Feira, pela iniciativa de promover vistorias nas escolas, através da Guarda Municipal. “Este trabalho tem resultado na apreensão constante de armas brancas”, acrescentou.

Ele também agradeceu ao prefeito Tarcízio Pimenta, que disponibilizou um “ônibus digital”, para ser utilizado na Micareta pela SSP, como base para monitoramento das câmeras espalhadas pelo circuito Maneca Ferreira. “Com certeza, isto dará maior agilidade e presteza às ações policiais”, ressaltou, observando que o veículo ficará estacionado próximo ao circuito da folia e que dezenas de computadores conectados a internet permitirão uma rápida troca de informações entre os policiais espalhados pela festa.

No final da manhã, Maurício Barbosa seguiu para a Câmara Municipal e, à tarde, visitou a sede da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, no Complexo Policial Investigador Bandeira, onde também ficam localizados o Departamento de Polícia Técnica e a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes.

O Comando de Policiamento Regional Leste, o Centro Integrado de Comunicação da PM, além das 64ª, 65ª, 66ª e 67ª Companhias Independentes da Polícia Militar, também integraram o roteiro de visitas do secretário. “O objetivo é conhecer a realidade de cada uma dessas unidades, para mapear e reunir suas principais necessidades”, enfatizou.



Acusado de cometer duplo homicídio se apresenta na delegacia


O pedreiro José Carlos Santos, 23 anos compareceu na manhã de quinta-feira (14), na 1ª Delegacia, acompanhado com seu advogado. Ele é suspeito de cometer o duplo homicídio, que ocorreu no sábado passado (9), no bairro Pedra do Descanso.

As vitima do duplo homicídio foi identificada como Antonio José Fonseca e Edivan Pereira Santos, eles foram mortos com tiros de revolver calibre 38, deflagrados por dois homens que estavam montados em uma motocicleta, na Rua Tertuliano Sena.

Na delegacia, o suspeito negou sua participação.

O CRIME

Na manhã do último sábado (09) duas pessoas foram assassinadas com vários tiros de pistola, por volta das 9 horas, na Rua Tertuliano Sena, bairro Pedra do Descanso. Os tiros foram deflagrados pelo carona de uma motocicleta Honda Pop e demais dados ignorados.

Antonio José Fonseca da Costa, 22 anos, foi atingido com um tiro nas costas e Edivan Pereira dos Santos, 36 anos, recebeu cinco tiros. Na delegacia, José Carlos da Costa, irmão de Antonio José, afirmou que o mesmo foi baleado por engano, sendo que o alvo dos assassinos seria apenas Edivan. “Meu irmão morreu por engano”.



Mais um jovem assassinado na cidade


Arnozinho ainda chegou a ser socorrido, mas não resistiu
O jovem Arno Bezerra de Melo Filho, conhecido como “Arnozinho”, 19 anos foi assassinado com vários tiros de pistola, calibre 380, na noite de quinta-feira (14), na Avenida Maria Quitéria. Segundo a polícia, Arnozinho saia de um pagode que acontecia na Maria Quitéria, quando o mesmo foi surpreendido por dois homens que estavam montados em uma motocicleta.

Os tiros atingiram cabeça e tórax da vitima, que ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA), mais não resistiu. Familiares da vitima afirmou que, o mesmo teria tido passagem na delegacia por porte ilegal de arma. O corpo de Arnozinho foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), para fazer a necropsia.

Ele residia na Rua 5 de Maio, no bairro Rua Nova. O crime será investigado pelo Serviço de Investigação da 2ª Delegacia.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Desarticulada quadrilha chefiada por delegado

Delegado Madson Barros

Oito pessoas de uma quadrilha, liderada pelo ex-delegado titular da cidade de Gandu, Madson Santos Barros, foram capturadas na madrugada de ontem (14), em cumprimento a mandados de prisão. O resultado da Operação Pojuca, realizada em conjunto pelas polícias Civil e Militar e com o apoio de Ministério Público, em Salvador, Pojuca, Catu, Simões Filho e Gandu, prendeu, além do delegado, um soldado da Polícia Militar, um ex-carcereiro e cinco ex-comissários de menores.
Na ação, nove pistolas (cinco .380 e quatro .40), uma espingarda calibre 12, quatro algemas, dois coletes balísticos, dois uniformes e um distintivo da Polícia Civil, além de munições de diversos calibres foram encontrados em poder dos acusados.

Em entrevista coletiva, realizada esta tarde, no auditório da Secretaria da Segurança Pública, no CAB, o delegado-geral adjunto, Bernardino Brito Filho, explicou que a operação teve como objetivo desarticular um grupo formado por servidores públicos e por pessoas que se passavam por policiais. “Temos o dever de garantir a cidadania, o respeito e a paz social e não admitiremos ações criminosas praticadas por quem quer que seja e, em especial, por autoridades públicas”, afirmou.

Adicionar legenda
Investigada há mais de um ano e quatro meses, a quadrilha é acusada da prática de inúmeros crimes, a exemplo de homicídio, extorsão e usurpação da função pública. “As investigações apontam que o grupo atuava, inicialmente, na Região Metropolitana de Salvador e que passou a agir em Gandu, com a transferência do delegado Madson para aquela cidade”, declarou a promotora Ediene Lousado, integrante do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e de Investigações Criminais (Gaeco) do Ministério Público Estadual.

Responsável pelas apurações, a delegada Ana Carolina Oliveira, da Coordenadoria de Operações Especiais (COE), ressaltou que a quadrilha utilizava a estrutura da Polícia Civil, como viaturas, armas, algemas, coletes e distintivos da instituição, para praticar os delitos.

Além do delegado Madson Barros, estão presos na COE, sediada no Aeroporto Luís Eduardo Magalhães, o soldado PM Manoel Santos de Jesus, o ex-carcereiro Mílton de Jesus e os ex-agentes de proteção de menores Edmílson Ferreira Ramalho, Jimi Carlos Jardim, José Sérgio dos Santos de Jesus, João Batista Neto e Paulo César Góes Dias.

Adicionar legenda

Acidente na Presidente Dutra deixa seis pessoas feridas

Na manha de ontem (14), por volta de 9,30 horas, seis pessoas ficaram feridas em um acidente automobilístico que aconteceu nos cruzamentos das avenidas Presidente Dutra com a Maria Quitéria, nas proximidades das instalações dos camarotes da Micareta.

Segundo testemunhas, tudo aconteceu, quando o motorista não identificado, conduzia o veiculo Parati, de placa JLU 0037 e avançou o sinal vermelho, atropelando duas pessoas que estavam montados em uma motocicleta e ainda um ciclista que também passava pela Presidente Dutra.

Três pessoas que estavam abordos da parati, as duas que estavam na motocicleta e o ciclista foram socorridas por equipes do Samu e encaminhadas para o Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA). Médicos informaram que nenhuma das vitimas correm risco de vida. juntamente com os dois da motocicleta e o ciclista



Polícia prende acusado de estuprar enteada


Foi preso na manhã desta quarta-feira(14) e encaminhado para a Delegacia de Santo Estevão, Dionísio Paulino da Silva, acusado de estuprar a enteada, 15 anos. O acusado já tem passagens pelo Presídio Regional em Feira de Santana, onde respondia por crimes de roubo, assalto e tráfico de drogas.

Após denúncia feita na DEPOL de Santo Estevão na manhã de terça-feira (12), a Polícia Civil, com apoio da Militar realizaram uma diligência na localidade onde mora o acusado e o encontraram escondido no meio de um matagal.
De acordo informações da mãe da vítima, o acusado chegou em casa drogado e bêbado. “Assim que ele chegou em casa, agarrou minha filha, deu uma gravata nela, ao mesmo tempo ele me atingiu, eu cair no chão e ele saiu com a menina para o mato”, contou a mãe, acrescentando ainda que, “após sair gritando pelo socorro, minha filha chegou em casa chorando e toda ensangüentada e mostrando tudo que ele fez com ela, além do estupro, ela ainda ficou com várias lesões no corpo, a mão cortada, o rosto”, desabafou.

Procurada para saber mais informações do fato, a delegada Klaudine Passos informou que é uma situação que acontece em segredo de Justiça.

Os Agentes de Proteção á Infância e Juventude da Comarca de Santo Estevão, André Santiago e Astério Máximo, apresentaram na Delegacia de Polícia Civil do município na manhã de ontem, Everaldo Gomes de Souza, acusado de violentar sexualmente uma menor de 6anos.

O fato aconteceu no mês de dezembro, mas a Polícia só conseguiu capturar o acusado na manhã de hoje (13), quando a mãe da vítima informou ao Juizado da Infância que Everaldo já estava na região.

De acordo com informações de populares, o acusado é portador de deficiência mental e que já estava sumido há quatro meses, temendo encontrar com os familiares da menor.

Guarda apreende armas brancas em escolas municipais


A violência nas escolas é algo que preocupa os educadores e toda a sociedade feirense. Desenvolvendo uma operação de conscientização junto aos alunos, ontem a Guarda Municipal apreendeu 15 armas brancas no interior de algumas escolas, como resposta à questão levantada através de reportagem veiculada na edição de ontem do FOLHA DO ESTADO, na qual educadores demonstravam apreensão em relação à violência que toma conta das instituições de ensino da cidade.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal, Marcos Vinícius Alves, a operação, deflagrada na última segunda-feira, já apreendeu várias armas brancas em instituições de ensino. “Por questões éticas, não vamos divulgar os nomes das escolas nas quais apreendemos as armas e até mesmo um revólver de brinquedo que estava sendo utilizado por um aluno para ameaçar outros estudantes. Nós recolhemos o material e vamos continuar atuando de forma rígida para que a lei seja cumprida”, assegura.

O dirigente disse que o trabalho de conscientização tem sido bem recebido por alunos e professores. “Nós Contamos com o apoio de órgãos especializados, de pedagogos e de alunos que estão entendendo a nossa mensagem. Além disso, observamos a questão do movimento ao redor das escolas, já que muitos marginais circundam os colégios e outros até chegam a se matricular para traficar drogas e roubar”, afirma Marcos Vinícius.

O comandante da Guarda Municipal, Marcos Vinícius Alves, ressalta que a meta é atingir todas as unidades escolares da rede pública municipal. “Pretendemos desenvolver palestras em todas as 214 escolas do município, tanto na zona urbana quanto rural, visitando uma média de cinco a seis escolas por dia”, frisou.

Durante a operação, prepostos da Guarda Civil Municipal visitam as escolas e promovem palestras nas salas de aula. A primeira escola foi o Ginásio Municipal Professor Joselito Amorim, onde Marcos Vinícius e mais três palestrantes mantiveram contatos com alunos e os alertaram sobre os prejuízos provocados pelo uso de drogas.

Paralelo à campanha, o governo municipal também pretende agir no entorno das escolas para evitar que pessoas estranhas ao ambiente se infiltrem nelas. “Estamos atentos ao problema das drogas e desenvolvendo ação que visa coibir a infiltração de usuários ou qualquer pessoa que estimule o uso de dependentes químicos no meio escolar”, alertou.



Jovem é assassinado com vários golpes de faca


O jovem Macksuel dos Santos Lima, 23 anos foi encontrado morto na manhã de ontem, as margens da BA 409, que liga os municípios de Serrinha e Conceição de Coité. O corpo dele apresentava dezenas de perfurações de instrumento cortante tipo faca.

Segundo a Polícia Civil de Serrinha, responsável pela investigação do caso, afirmou que já iniciou a investigação, mais até o momento ainda não tem mais detalhes dessa morte. O corpo de Macksuel foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana para fazer a necropsia.

A vitima residia no município de Serrinha.

ASSALTO
Ainda no município de Serrinha, na noite de terça-feira (13), na Estrada que liga o município a cidade de Biritinga, uma carreta carregada de cimento foi assaltada por três homens, que estavam abordos de veiculo Fiat Pálio, cor branca com placa de Feira de Santana, demais dados ignorados.

O motorista Raimundo Ferreira Borges Filho, 38 anos, morador do bairro Olhos D’água, em Feira de Santana, disse em entrevista ao repórter Renny Maia da Rádio Continental de Serrinha, que transitava pela estrada, quando os bandidos interceptaram o veiculo e anunciaram o assalto.

Os criminosos chegaram a disparar dois tiros no pára-brisa da carreta e roubaram R$ 2.850,00 em dinheiro e quatro folhas de cheques no valor de R$ 1.425,00. Após a ação que durou cerca de 20 minutos, os assaltantes fugiram com destino a Serrinha. O caso foi registrado na 1ª Circunscricional da cidade.



Bandidos assaltam mais uma agencia do Banco do Brasil: desta vez em Lagoa Real


Cinco homens encapuzados assaltaram com fuzil e revólveres, na manhã desta quinta-feira (14), uma agência do Banco do Brasil, no município de Lagoa Real, sudoeste do Estado. Segundo a polícia local, os bandidos vestiam roupas camufladas do Exército e fizeram disparos, deixando várias cápsulas da bala no chão. Os vidros da agência foram quebrados, mas não houve feridos.

A polícia informou que os assaltantes fizeram dois clientes e o gerente da agência de reféns. Eles foram liberados pela quadrilha na estrada que liga Lagoa Real ao município de Caetité.

Em dois meses, a cidade Lagoa Real já registra o segundo assalto a banco. Com o assalto de hoje, já são 27 agências assaltadas na Bahia.

As informações são do G1



Delegado Madson é preso mais uma vez


Delegado Madson Barros
O Centro de Operações Especiais (COE), prendeu na manhã desta quinta-feira (14), no município de Pojuca, na Região Metropolitana de Salvador, o delegado Madson Santos Barros. A ação solicitada pelo Ministério Público do Estado (MP/BA) visa cumprir mandados de prisão contra policiais.

De acordo com a assessoria da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), ainda não há mais informações sobre a ação, mas o Secretario chega do Rio de Janeiro ainda nesta manhã e poderá responder as dúvidas. A operação está sendo realizada em Pojuca, Gandu, Catu e Salvador. Madson e outros presos foram levados para a sede do COE, no bairro de São Cristóvão, em Salvador.



O DELEGADO

Madon Santos Barros foi autuado em flagrante em 2009, por racismo, porte ilegal de arma, desacato e por formar uma milícia na cidade de Gandu, em que era titular. Na época, o Ministério Público apurou que Madson teria contratado homens armados, não-policiais, para acompanhá- lo no “combate” à criminalidade. Os chamados X-9 teriam agindo sem conhecimento da Justiça e sem quaisquer critérios policiais, tendo inclusive vitimado inocentes.

No mesmo ano, Madson foi encontrado desacordado dentro de um Fiat Palio de madrugada, por policiais militares, na rua Jaime Sapolnick, próximo a uma praça no Imbuí. Quando reanimado e conduzido à Corregedoria da Polícia Civil, ele reagiu de forma violenta e agrediu fisicamente e verbalmente o policial de plantão.

De acordo com o delegado da Corregedoria, Adagilson Campos Sobral, Madson usou palavras racistas contra o policial de plantão, e se recusou a fazer o exame de alcoolimia, para verificar se ele estava bêbado. Ainda de acordo o delegado, Madson só aceitou fazer o exame de lesões corporais.

Em 2008, a mesma Corregedoria abriu um processo de investigações contra ele, que foi preso após efetuar diveros tiros em um bar, no bairro de São Cristóvão. Na época, ao chegar na 12ª DP, em Itapuã, o delegado resolveu tirar a roupa, quando soube que seria encaminhado à Corregedoria. As informações são do Correio



Esquema de fraude em benefícios do INSS em Ilhéus é descoberto pela P F

A Polícia Federal, em parceria com o setor de inteligência da Previdência Social, deu início, às 6h desta quinta-feira, à Operação Radar, que está indiciando suspeitos de fraudar concessões de benefícios do INSS – Instituto Nacional do Seguro Social -, no município de Ilhéus, sul da Bahia. Pelo menos 63 pessoas receberiam ilegalmente os benefícios desde 2003, principalmente pensão por morte.

Entre os suspeitos, segundo a polícia, estão membros da tribo indígena Tupinambá hã hã hãe, da aldeia de Olivença. Duas pessoas já foram ouvidas, entre elas, uma cacique da tribo. Ninguém foi preso. Segundo o superintendente do INSS, André Fidelis, o prejuízo para a Previdência Social é estimado em R$ 500 mil.

De acordo com a delegada da Polícia Federal, Denise Cavalcanti, as pessoas conseguiam o atestado de óbito falso, entravam com o pedido no INSS e um funcionário facilitava os procedimentos subsequentes. A polícia cumpriu cinco mandatos de busca e apreensão nesta manhã, sendo quatro em residências e um na agência da Previdência Social, todos em Ilhéus.

Na operação, foram apreendidos desde documentos e solicitações até carteira de trabalho. Segundo a delegada, os beneficiados do esquema irão responder por estelionato e falsidade ideológica e podem pegar de um a seis anos de prisão. Os funcionários da Previdência Social envolvidos no caso também responderão processo administrativo. (G1)



quarta-feira, 13 de abril de 2011

Feira vai ganhar quatro UPPs

Feira de Santana vai ganhar quatro Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), de um total de 14 que serão instaladas no interior da Bahia. O anúncio aconteceu no início da semana, na Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), através do secretário Maurício Barbosa e do delegado chefe Hélio Jorge.

A SSP revelou que serão instaladas 34 Bases Comunitárias de Segurança (UPPs baianas), 14 serão instaladas nos municípios e 20 na capital baiana, até 2013. Ainda de acordo com a SSP, mais de 200 oficiais e praças estão sendo treinados para atuar nessas bases de segurança, que serão instaladas em pontos estratégicos.

Em Feira de Santana, as UPPs serão instaladas na Praça da Matriz (Centro da cidade), nos conjuntos Feira X e Cidade Nova, mais um local que ainda não foi divulgado. O que chama atenção da sociedade de Feira de Santana é que os bairros com maiores índices de tráfico de drogas e homicídios não foram citados.

Conjunto Feira X

CURSOS

A Secretaria da Segurança Pública da Bahia, por meio da Polícia Militar, deu início ao processo de capacitação de 145 pessoas, entre oficiais e praças, que vão atuar nas bases comunitárias de segurança a serem instaladas brevemente em Salvador, nos bairros do Calabar e Nordeste de Amaralina.

A aula inaugural do curso de Gestor e Operador de Policiamento Comunitário, que teve como tema “Visão Panorâmica do Policiamento Comunitário”, foi ministrada pelo tenente-coronel da PM Francisco Édson de Araújo, na manhã de segunda-feira (11), no auditório da Faculdade Dom Pedro II, no comércio.

Especialista em Segurança Pública pela Escola Superior do Rio de Janeiro e mestre em Gestão Organizacional e Desenvolvimento Humano, ele declarou que, neste primeiro momento o ideal é “trazer uma visão panorâmica de todo o processo”, observando que o policiamento comunitário é uma vertente que chegou para ficar. “Onde tem um policiamento dando certo é porque passou pela aproximação com a comunidade. É preciso que os policiais saibam o que, como e quando fazer”, ressaltou.

Com carga de 40 horas/aula, o curso prossegue até sexta-feira (15).

O secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, o delegado-geral da Polícia Civil, Hélio Jorge Paixão, e o diretor da Polícia Técnica, Raul Barreto, prestigiaram o primeiro dia de aula. “Há mais de um mês não temos mortes no Calabar e no Nordeste de Amaralina. Temos muito que avançar. Estamos orgulhosos por este momento da PM e espero que esta seja uma semana muito proveitosa”, afirmou o secretário.

Acrescentou ainda que a capacitação dos policiais integra o Pacto pela Vida. “É um passo mais importante dado pela Polícia Militar, que sai na frente e dá um bom exemplo para a sociedade”.

O comandante-geral da PM, coronel Nílton Mascarenhas, informou que os policiais militares selecionados para o curso possuem um bom nível intelectual. “A capacitação dos profissionais de segurança pública é fundamental para o bom desempenho do policiamento”, disse, destacando que o Batalhão de Choque está no Calabar e que, no final do mês, o efetivo que se encontra participando do curso será deslocado para integrar a Base Comunitária de Segurança a ser instalada naquele bairro, dentro da nova temática inspirada no sistema de policiamento japonês Koban, existente há mais de 100 anos.

Segundo o comandante de Operações Policiais da PM, coronel Zeliomar Almeida, os subtenentes e sargentos participam do curso de gestor e os soldados do de operador. “Eles vão se capacitar para que se tornem líderes desses grupos no comando das bases”, enfatizou, lembrando que, após capacitados e com o apoio das lideranças comunitárias, “os policiais contribuirão para a continuidade dos projetos do poder público para a promoção da paz e da tranquilidade dos moradores”.

Além de manter a harmonia com o povo, cada policial vai repassar as informações adquiridas durante a capacitação. “Seremos instrumentalizados para promover a mobilização social e a segurança pública, além de servirmos como agentes multiplicadores para as outras frações de tropa que não tiveram acesso a este tipo de conhecimento”, assegurou o capitão Élson Pereira, comandante da 40ª Companhia Independente da Polícia Militar (Nordeste de Amaralina) e participante do curso. .

A soldado Ana Flávia Ferreira de Brito disse estar orgulhosa em participar deste novo momento da Polícia Militar. “Minhas expectativas são as melhores possíveis. Eu e meus colegas estamos felizes em participar deste evento pioneiro na Bahia, de integração da polícia com a comunidade”.

Adicionar legenda

PRF prende quadrilha de traficante com 10 Kg de maconha


O Grupo Tático Operacional da Delegacia PRF de Feira de Santana prendeu na noite de ontem uma quadrilha que transpotava 10 Kg de maconha.

A prisão ocorreu no Km 402 da BR 116, próximo ao Posto Trevo. Ao sinalizar ordem de parada para veículo VW/Gol JOW, placa 9768/BA, os ocupantes desobedeceram sendo acompanhados pelos policiais até que o condutor perdeu o controle do veículo, saindo da pista e colidindo em um objeto fixo.

Ao revistar o carro, os agentes encontraram 10 Kg do entorpecente. Foram presos Antônio Jorge Oliveira, 48 anos, Edimario Costa Pereira, 28 anos, Francisco dos Santos Costa, 30 anos e Jossimare Nascimento Oliveira, 20 anos.

Todos foram encaminhados à Delegacia de Poícia Judiciária local.
FONTE: PRF

Em vídeos, atirador fala de razões para ataque a escola


Em dois vídeos gravados antes de assassinar 12 crianças em uma escola no Realengo, no Rio de Janeiro, Wellington Menezes de Oliveira fala sobre as razões para atacar os estudantes. As imagens teriam sido feitas supostamente dois dias antes do massacre.

O Jornal Nacional teve acesso à mensagem deixada pelo atirador, que foi gravada em dois arquivos de vídeo. Ele aparece sem barba, na frente do que parece ser um muro.

Nas imagens, Wellington tem a mesma fisionomia e está no mesmo local de uma foto usada em um perfil atribuído a ele no site de relacionamentos Orkut. Aparentemente, o próprio rapaz gravou o vídeo.

Wellington fala de maneira confusa sobre os supostos motivos do crime e culpa pessoas que chama de "covardes" pelo ato que cometeu.

"A luta pela qual muitos irmãos no passado morreram, e eu morrerei, não é exclusivamente pelo que é conhecido como bullying. A nossa luta é contra pessoas cruéis, covardes, que se aproveitam da bondade, da inocência, da fraqueza de pessoas incapazes de se defenderem”, afirma.

Na segunda parte do vídeo, o assassino dá detalhes do longo planejamento da ação e diz porque tirou a barba de forma premeditada.

"Os irmãos observaram que eu raspei a barba. Foi necessário, porque eu já estava planejando ir ao local para estudar, ver uma forma de infiltração. Eu já tinha ido antes, há muitos meses. Eu fui. Eu ainda não usava barba. Eu fui para dar uma analisada”, diz.

O atirador também diz que esteve na escola dois dias antes do massacre. “Hoje, é segunda, terça-feira, aliás. Eu fui ontem, segunda. Hoje é terça-feira, dia 5. E essa foi uma tática para não despertar atenção. Apesar de eu ser sozinho, não ter uma família praticamente... eu vivo sozinho, não tenho pessoas a dar satisfação. Mas, como eu precisava ir ao local e interagir com pessoas, para não chamar atenção, eu decidi raspar a barba”, afirma.

O Instituto Médico Legal divulgou, nesta terça-feira (12), o laudo cadavérico de Wellington Menezes de Oliveira. Segundo o documento, o assassino sofreu lesões no crânio provocadas por um tiro na têmpora direita, o que comprova que ele se suicidou.
As informações são do G1.



terça-feira, 12 de abril de 2011

Homem morre após ser atacado por enxame de abelhas

Antonio Roberto Carneiro, 46 anos morreu na tarde de segunda-feira (11), após ser atacado por enxame de abelhas, quando o mesmo tentava retirar a colméia que se encontrava em um reservatório de água, localizado em um sitio, no bairro Novo Horizonte. O corpo de Antonio Carneiro, só foi encontrado na manhã de ontem (12).

Pedro Augustino Ferreira, 66 anos, amigo da vitima, a firmou para Imprensa que Antonio Carneiro tinha o costume de freqüentar um salgueiro (local para salgar carnes e peixes), onde tinha a colméia. “Há tempo que ele queria retirar as abelhas, ele sempre falava que não iria ter problemas, por que mataria as abelhas queimando com pneus, ai ele subiu, e quando ateou fogo, foi atacado pelas abelhas, ele ainda conseguiu descer, mas as abelhas continuaram em cima dele, eu sair correndo, encontrei uma lona e me escondi em baixo dela para me proteger, quando sair, não vi mais ele, ai fui embora e hoje achamos o corpo”.

Antonio Roberto residia no Campo Limpo
O radialista da Rádio Sociedade da Bahia, Toni Carneiro, irmão da vitima, afirmou para reportagem que Antonio Roberto teria ido ao local fazer um trabalho voluntário, de retirar as abelhas de cima do reservatório de água, mas, quando sumiu, com pneus e se preparou para queimá-lo foi atacado pelas abelhas, em seguida caiu de cima da escada do tanque, as abelhas continuaram em cima dele, ele não resistiu e morreu. Afirmou Toni.

De acordo ainda com Toni, “a Polícia Técnica esteve no local acompanhado com policiais civis da 2ª Delegacia, onde realizaram a pericia e o levantamento cadavérico. Agora vai ser feito um enxame para descobrir a causa mesmo da morte dele, se foi pelas picadas das abelhas ou da queda”.

Antonio Roberto residia na Rua Volta Redonda no bairro Campo Limpo. O sepultamento do mesmo acontecerá na manhã de hoje, por volta de 10 horas, no cemitério São Jorge.


Toni Carneiro: “Os peritos fizeram a pericia e depois vamos saber a causa da morte”

Adolescente baleado na Santa Monica morre no HGCA



Daniel ainda chegou a ser socorrido mais morreu no hospital
O adolescente Daniel do Nascimento Almeida, 17 anos morreu no inicio da manhã de ontem (12), no Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA), após ser baleado com três tiros, na noite de segunda-feira (11), quando se encontrava na casa de amigos, localizada na Rua José Pereira Mascarenhas, conhecida como “Corre nú” no bairro Santa Monica.

Segundo a polícia, Daniel conversava com amigos, quando dois homens montados em uma motocicleta de dados ignorados se aproximaram e o carona desceu com armas em punho e deflagrou vários tiros acertando cabeça, tórax e abdome da vitima, depois fugiram, enquanto, Daniel foi socorrido para o HGCA, mais não resistiu e morreu.

O corpo de Daniel foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para fazer a necropsia e depois foi liberado para os familiares fazerem o sepultamento. Familiares da vitima suspeita de rixa, um familiar que não quis ser identificado afirmou que o mesmo teria brigado recentemente com alguns adolescentes que residem em um bairro vizinho e os mesmo teriam os ameaçados de morte.

Daniel residia na Rua Nossa Senhora da Conceição, no mesmo bairro, onde foi baleado. O crime será investigado pelo Serviço de Investigação da 1ª Delegacia.

Homem é assassinado com vários tiros em Santo Estevão


Reinaldo de Almeida Santos, 29 anos foi assassinado com vários tiros de revolver na noite de segunda feira (11), no município de Santo Estevão, na localidade conhecida como fazenda Viração, que fica na BR 116 Sul.

Segundo a polícia, a vitima residia na Fazenda Conga, mais foi assassinado em outro local, o corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana, para fazer a necropsia. O crime está sendo investigado pela Polícia Civil de Santo Estevão, que já tem os nomes dos acusados, se tratam dos irmãos Marcelo e Edvaldo Silva de Jesus.

IPIRA

Aurelino Freitas Mascarenhas, 62 anos foi assassinado com vários tiros de pistola, calibre 380, no município de Ipirá. Segundo a polícia local, o crime aconteceu na Fazenda, Tanquinho, que segundo ainda os policiais, não têm informações sobre os autores.

O corpo de Aurelino também foi encaminhado para o DPT de Feira, para fazer a necropsia. O crime será investigado pela Polícia Civil de Ipirá, a vitima residia na Fazenda Barro Azul, no mesmo município.

Participe do I Fórum Interdisciplinar de Crominalidade e Drogas

O evento será certificado pela PSIJUR (Associação Baiana de Psicologia Jurídica) e terá profissionais renomados e experientes na área.



O público alvo é: estudantes e profissionais de Psicologia, Direito, Serviço Social, Pedagogia e áreas afins, e comunidade interessada.


Vagas Limitadas! Garanta já a sua!

Inscrições presenciais em Feira de Santana:

Na FTC: Fátima – (75) 8117 1618

Morgana – (75) 8112 5842 / 9186 4355

Na UEFS: Jamile – (75) 8802 8770

Na FAT: Mayara – (75) 8133 4856 / 9140 3474

Ou na Av. Getúlio Vargas 225, Edf. Chico do Morro Center (em frente a praça de alimentação ao lado da Colchões Ortobom) 1º andar, sala 106.

Inscrições por email / Orkut: foruminterdisciplinar@gmail.com

MINI CURSOS:

01. Prevenção, tratamento e reinserção do dependente químico. Profissional: Inara Francinete – Psicóloga com ampla atuação em Centros de Recuperação

02. Relações entre psicologia, sistema penal, pena privativa de liberdade e penas restritivas de direitos. Profissional: Kallila Barbosa – Psicóloga Jurídica

INVESTIMENTO:

Fórum = R$ 35,00

Mini curso = R$ 20,00 (cada)

Fórum + 1 Mini curso = R$ 55,00

Fórum + 2 Mini cursos = R$ 65,00

Presidiário extorquia donos de veículos


Um esquema de extorsão a proprietários de veículos roubados foi descoberto por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFRV), com a prisão de Edson Marques Brito, 34 anos, que cumpria pena em regime semi-aberto na Colônia Penal Lafayete Coutinho. “Cazuza”, como ele é conhecido, contava com a ajuda de duas mulheres para aplicar os golpes.

Segundo o delegado Augusto Eustáquio, titular da DRFRV, “Cazuza” ligava para delegacias, postos da Polícia Rodoviária e para a Centel em busca de informações sobre ocorrências de roubos de veículos. Passando-se por oficial da polícia, o criminoso utilizava, inclusive, jargões policiais para conseguir dados dos automóveis, nome e telefone das vítimas.

De posse dessas informações, “Cazuza” ligava para as vítimas alegando que estava com o carro roubado e exigia o pagamento de quantias que variavam entre R$ 1 mil e R$ 1.500 para entregar o veículo. O valor deveria ser depositado em contas correntes abertas em nome de suas duas comparsas. Uma delas, Adriana Barbosa Moreira foi presa nesta segunda-feira (11), em Santo Antônio de Jesus.

Edson e Adriana tiveram suas prisões preventivas solicitadas à Justiça pelo delegado Augusto Eustáquio e deverão responder pelo crime de extorsão. A outra mulher, que já está identificada, continua sendo procurada. A polícia apurou que pelo menos dez pessoas foram lesadas pelo esquema armado pelo trio.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Polícia Civil apresenta quadrilha de assaltantes de banco



Sergio Meneguel, segundo a polícia, um dos principais chefes de uma das quadrilhas de bancos que aterrorizam os interiores baianos

Foram apresentados na tarde de ontem quatro pessoas acusadas de integrarem uma quadrilha, acusada de cometer vários assaltos a banco, além de arrombamentos a caixas eletrônicos e que foi desarticulada pela Policia Civil, no final da semana passada, na cidade de Alagoinhas. Foram apresentados: Miguel Pereira dos Santos, Sergio Meneguel, Joanita Aline Amador dos Santos e Amélia Marta da Silva, com a quadrilha, os investigadores apreenderam vários maçaricos e peças hidráulicas, usadas nos arrombamentos dos caixas eletrônicos, dois revolveres calibres 38, cinco rádios amadores, vários aparelhos celulares, veículos usados nos levantamentos para assaltos a bancos, além da quantia aproximadamente de 10 Mil Reais.


O coordenador Fábio Lordello afirmou as investigações sobre o grupo foram iniciadas há aproximadamente dois meses. “Após uma investigação do nosso S I, conseguimos identificar essa quadrilha, onde agia em vários municípios baianos, as prisões ocorreram na última sexta-feira (8) em Salvador e Feira de Santana. Quando conseguimos prender em flagrante Miguel Pereira e Sergio Meneguel assaltando uma empresa de segurança no bairro de Stela Mares, em Salvador sendo que, Joanita e Amélia foram presas em flagrante na Rua Santa Cruz no bairro Jardim Cruzeiro, em Feira de Santana, com elas encontramos maçaricos, ferramentas usadas nos assaltos e uma grande quantia em dinheiro”, disse.

Fábio confirmou ainda que, a quadrilha usava três residências como “Quartel-General”, para esconderijo e reuniões do grupo. “Na residência do Jardim Cruzeiro, encontramos um mapa da Bahia com sinalizações de agencias bancarias em vários municípios. Estamos investigando estas cidades marcadas para confirmar se foram ou não ‘visitadas’ pela quadrilha. Vamos dar continuidade as investigações, já que sabemos que a quadrilha é composta de vários integrantes, mas, os principias chefes já conseguiram prender, que é Miguel e Sergio”, observa.

Como sempre, os assaltantes de alta periculosidade não respondem perguntas da Imprensa, sempre, permanecem calados. Joanita e Amélia foram encaminhadas para o Conjunto Penal de Feira de Santana no sábado e Miguel e Sergio ainda se encontram na carceragem do Complexo Policial Investigador Bandeira a disposição da justiça. Os acusados foram autuados por assalto a banco e formação de quadrilha.


Ladrão do Teste drive é preso mais uma vez


Geidson: Não tenho medo de ser reconhecido”
Policiais do Serviço de Investigação da Delegacia de Repressão de Furtos e Roubos (DRFR) de Feira de Santana, sob o comando do delegado Marcelo Marques prenderam no município de Santo Estevão, durante a Operação Visão Noturna, na noite de domingo (10) Geidson Santana de Souza Lemos, conhecido como “Galego” que reside no bairro Campo Limpa, aqui na cidade de Feira de Santana. Ele é acusado roubar vários veículos na região.

Segundo o S I da DRFR, Geidson é acusado de aplicar vários golpes em lojas de vendas de veículos na região. “Ele se apresenta com intuito de comprar um veiculo, ganha a confiança do vendedor e antes de se deslocar para a emplacadora com a finalidade de regularizar a transferência, foge com o carro”.

Geidson diz ser analista de credito e já chegou a ser preso em Salvador no mês de março deste ano com o veículo Fiat Pálio, bege, de placa JPY-8170 levado por ele, após se passar por comprador, no pátio da 3ª Ciretran, em Feira. Ele foi preso em Salvador, mas foi liberado, pois não cabia o flagrante.



O GOLPE



No dia 14 de fevereiro deste ano, a vitima em Feira, foi Carlos Eduardo Pereira Aquino, 47 anos. Ele compareceu na DRFR para comunicar que foi enganado por um golpista (Geidson) nas proximidades do Complexo Policial Investigador Bandeira. Na ocorrência policial, Carlos contou que estava indo fazer uma vistoria na 3ª Ciretran, do veículo Fiat Pálio, bege, de placa JPY-8170, que estava à venda por R$ 26.500. Segundo ele, o veículo pertencia ao seu patrão que tem uma loja na Avenida José Falcão e o incumbiu de acompanhar um comprador até a vistoria.

Na delegacia, no dia do registro desta ocorrência, a vitima contou que. “Eu desci para ver se o documento estava pronto na emplacadora e percebi que era um golpe, pois o comprador fugiu com o veículo. Cheguei ao local da vistoria, mas ele não estava lá ".O



O ACUSADO

Geidson confirmou na delegacia que fazia o test-drive e fugiu com o veiculo na frente do complexo policial. Ele não soube dizer quantos carros já levou através desse golpe, mas revelou que fugia com os carros somente para "curtir" e que depois os devolvia aos donos. “Não tenho medo de ser reconhecido aqui. Não estão me acusando de vários golpes, restam vocês provarem”.

O delegado Marcelo Marques, titular da DRFR, informou que Geidson já foi preso varias vezes por furtos de veículos, mas se encontrava em liberdade com carro roubado e adulterado, um Fiat Punto, localizado em Santo Estevão e que teria sido comprado em Jequié. Marcelo Marques acrescentou que "Galego" já foi preso duas vezes em Feira pelos crimes de receptação qualificada e adulteração de sinais e motores, e responde por vários inquéritos.