terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Motoqueiros assassinos executam ex-presidiário no PGV

O ex-presidiário Sergio Araujo da Silva, 49 anos foi assassinado com vários tiros de revolver, na manhã de hoje (20), na rua Veneza, no bairro Parque Getúlio Vargas (PGV). Testemunhas afirmaram que os autores do crime foram dois homens desconhecidos, que estavam numa motocicleta de dados ignorados.
Foto do Site Dilson Barbosa

Segundo a polícia, Sergio se encontrava nas proximidades da residência onde morava, quando foi surpreendido pelos dois assassinos, sendo que, o carona com arma em punho se aproximou da vitima e efetuou vários disparos acertando na cabeça e no tórax. O ex-presidiário não resistiu e morreu, enquanto os motoqueiros fugiram sem deixarem pistas.

PRISÃO

O soldado da Polícia Militar, Cotias que compareceu no local do crime, afirmou para reportagem que, a ex-esposa da vitima de prenome Edileuza, disse que Sergio cumpriu um ano e alguns meses de pena no Conjunto Penal de Feira de Santana, após o mesmo o agredir fisicamente, onde foi enquadrado pela Lei Maria da Penha.
Foto Gleidson Santos

Enquanto, Danilo Santos Silva, filho da vitima afirmou para reportagem que o pai teria discutido com um homem conhecido como Zélito, há uns meses, onde ele o golpeou, Zelito na época Zelito foi socorrido para o Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA), onde foi submetido a uma cirurgia, sendo que dias depois veio a óbito.

Familiares de Sergio afirmaram que a única coisa que pode ter provocado a morte foram esses acontecimentos, já que a vitima, não tinha envolvimento com nada de errado, ou seja, com o mundo do crime. Contou um familiar.

O corpo de Sergio foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana (DPT), para fazer a necropsia.

2 comentários:

Anônimo disse...

ja foi mané...menos um...

Anônimo disse...

porque vcs estarram logo que o cara era ex presidiario por acaso ex presidiario não e gente não vamos parar com isso