quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Segunda Delegacia elucida o homicídio que vitimou Policial Militar

Policiais da 2ª Delegacia, sob o comando do delegado Madson Sampaio, prenderam, na manhã de ontem (9), duas pessoas acusadas de assassinarem o policial militar Caio César Silvestre Nascimento, 35 anos, na madrugada do dia 22 de setembro deste ano. Os acusados foram identificados como: Cristiano Souza da Silva, conhecido como “Nengo”, 22 anos e Leonardo Moraes Silva, conhecido como “Titio”, 18 anos.
Cristiano alegou que conhecia Caio há 8 meses, mas não sabia que era policial

Os dois foram conduzidos para delegacia. Lá Na delegacia, Cristiano afirmou que conhecia Caio César há seis meses, sendo que, não sabia que ele era policial. “A gente fazia uso de crack há muito tempo, e no dia do crime, ele tinha comprado duas pedras, onde uma, segundo ele, teria sumido, aí ele abotoou pela camisa meu colega (Titio), falando que se a pedra não aparecesse que mataria nós dois. Aí, eu fui em casa, peguei o revólver e falei para ele que se faz ameaça desse jeito, aí deflagrei três tiros nele, ele ainda pediu socorro para Nino, que mora perto de onde aconteceu, depois saí correndo e hoje os policiais me prenderam”.
Nengo e Titio estavam juntos no dia do crime

Segundo os investigadores, o inquérito policial será encaminhado ao Poder Judiciário, onde provavelmente o delegado pedirá a prisão preventiva dos envolvidos que depois de serem ouvidos foram liberados, já que não foram presos em flagrante.

O CRIME

O policial militar Caio César Silvestre Nascimento, 35 anos, que era lotado no CAEL (Catinga) foi assassinado com vários tiros de revólver, na madrugada do dia 22 de setembro deste ano, por volta de 1h, na rua Antonio Silva de Carvalho, no bairro Campo Limpo.

Segundo investigadores do Núcleo de Homicídio, que compareceram ao local do crime, afirmaram que, o policial discutia com uma mulher (desconhecida), quando os quatro homens armados com revólveres se aproximaram e deflagraram tiros acertando em diversas partes do corpo do soldado Silvestre, que não resistiu e morreu no local.

18 comentários:

Makalin disse...

sera q foi este mesmo estou a jandu muito estranho este cara conversa isto e realmente ele ja não era mas um policia pq não esta mas protegendo a sociedade concorda

Anônimo disse...

eu moro proximo onde a vitima morreu, foram esses caras mesmo, a mando de um parente deles, o traficante TETA, por causo de crack....só que a policia prendeu e a justiça já soltou, aí vão taficar, roubar e matar de novo....

Anônimo disse...

Esses cara foram presos um dia desses por assalto e foram soltos, agora por assassinato e foram soltos, amanhã deve ser por latrocínio e vão ser soltos...

Anônimo disse...

mentira deles q eles mataram o policia porq Guel mulher de joquinha q ta preso mandou.ela mora na x1 do george americo

Anônimo disse...

dizem q o ex policial foi na bok de fumo e brigou com a tal da aGuel ai ela mandou os dois matar ele

Anônimo disse...

Isso que dar estar no meio de usuarios de drogas e ser usuario também. Agora venhamos e convenhamos né. Um policial de uma especializada tâo importante morrendo numa situação dessa. Ai eu lembro do Boris Casois. ISTO É UMA VERGONHA...

ledoux disse...

o pm era sacizeiroo...hummm..esa historia ta muito mal contada..!!!

obisevador disse...

COMO E QUE ESSES SACIZEIRO TEM ARMA SE ELES MESMO VENDE O QUE TEM PRA FUMA ISSO E BARATINO SE OS POLICIAL COMO ESSA JA VIR QUE EM FEIRA NAO TEM INVERTIGADOR NAO

Anônimo disse...

o nome do vagabundo e quiquio e nao titio ele e parente do traficante teta éles barbarisa aqui no george americo os dois que morreram no mes de setembro na rua c 02 foi eles e um tal de dani irmao de didi passeiro de joquinha que esta no presidio

Anônimo disse...

esses dois vagabundos sao perigosos sao da tropa de elite do traficante teta o nome do elemento e quiqui e nao titio eles mais um tal de dani irmao do compraça didi da facçao de joquinha que esta preso no presidio a mando de teta assasinaram aqueles dois meliantes na rua c 2 no g americo no mes de setembro 2011 tem que da uma preventiva neles e no teta asim nos fica mais tranquilo no g a

Anônimo disse...

Para entrar na corporação,faz exames toxicologico,porque não faz um temporario? tem gente sujando a imagem da corporação acorda comando

Anônimo disse...

GUEL E JOQUINHA, NAO TEM NADA A VER NA PARADA, A ARMA QUE MATOU CAIO ERA DE TETA, E O IRMAO DELE QUE MATOU POR CAUSO DE CRACK....

Anônimo disse...

KD O POLICIAL CEZAR LIMOEIRO NESSAS HORAS, PRA PEGAR ESSES CARAS, TETA TIRA E ONDA COM ELES......

Anônimo disse...

ESSES CARAS TAMBEM TAO ENVOLVIDOS NO DUPLO HOMICIDIO DO GEORGE AMERICO E A PORCARI DA JUSTIÇA VAI E SOLTA, FAZ O MESMO QUE FEZ COM ZE MARIA...TEM MATAR ESTAS BOSTAS

Anônimo disse...

como e q ele foi em ksa pegar arma ja me disseram q nenhum dos dois usa crack ,como e q sacizeiro tem arma,eles seguiram o kra pra matar,e todos sabem q caio era policial ou ex policial so os coitadinhos nao sabiam kkkk,bota eles no pau de arara q eles derrubam o serviço,disse q ate dinheiro eles tao cobrando pra quem mandou eles matar caio,a mulher de joquinha.

Makalin disse...

Cezar limoeiro esta aposentado nunca vai existe um como vanderlino mas hoje ele ñ vais mas nada pq ele e evangelico so ganha alma para JESUS ele ñ tira mas vida so ganha

x9 disse...

Esses dois são sacizeiros como o finado caio, quiquio mora no George Américo com o avó, e anda com esse cara na boca de joquinha, na rua x1, no George Américo, ele foi preso um dia desse logo depois que caio sacizeiro morreu ,no bairro cidade nova,vez um arrombamento na pizzaria e foi preso pela guarnição do soldado embusteiro do brito.

Anônimo disse...

eu acho quer nao deveria ta falando mal dos policial quer eles vai matar os bandidos quem mata os bandidos sao os bandidos mesmo por causa de drogas mais queria que motasse todos os drogados do mundo quem vende quem usa que nao sao gente