quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Empresário é preso envolvido com roubo de cargas

Com a prisão do empresário do ramo de transportes Juarez Antônio Silva Santos, 40 anos, e dos caminhoneiros Antônio Roci de Oliveira Cunha, 36, e Aílton Francisco de Andrade, o “Alemão”, 39, a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga) elucidou uma série de roubos a cargas de pneus, nos últimos 10 meses, em diversos pontos do estado. Três dias após o último assalto, a polícia recuperou uma carga contendo 636 pneus da Bridgestone, avaliados em mais de R$ 100 mil.

A carga roubada estava escondida no baú de um dos caminhões estacionados no pátio da empresa de Juarez, a Elitte Transporte e Logística Ltda, sediada em Candeias. O empresário confessou o roubo e a polícia investiga agora a participação dele e dos comparsas em outros dois assaltos a cargas de pneus da Bridgestone. Juarez, Alemão e Roci foram localizados e presos em Simões Filho. Um quarto integrante do bando, já identificado como Iranildo Farias, segundo informou o delegado João Uzzum, titular da Decarga, está sendo procurado.

“Vamos entrar em contato com a Polícia Civil do Rio Grande do Norte, onde ele nasceu, para confirmar sua identificação”, explicou Uzzum, desconfiado que aquele bandido esteja utilizando uma identidade falsa. A polícia investiga também a participação de contadores, que estariam participando do esquema, falsificando notas fiscais.

Depois de receber a carga roubada, Juarez conseguia notas frias com valores equivalentes às mercadorias e depois as revendia, principalmente em São Paulo. Desde fevereiro deste ano foram quatro assaltos, dois em Feira de Santana, um na BR-324 e outro próximo ao município de Itatim. Uma das cargas continha pneus de caminhões e outras três, pneus de aro 16 e 17 para carros de passeio, com maior apelo comercial.

Ação criminosa
Na última quarta-feira (8), o motorista que transportava a carga de pneus ao parar o veiculo no pátio do posto de combustível Uirapuru, próximo a Itatim, foi abordado por três assaltantes, sendo amordaçado e colocado na cama da cabina da caminhão trator. Em seguida, a vítima foi levada para um matagal por um dos assaltantes, onde foi feito refém enquanto os outros dois escapavam com a carga.

Albino, Alemão foi facilmente identificado por meio de um retrato falado, elaborado pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT), em Salvador. Roci já esteve preso em, pelo menos, 14 ocasiões diferentes por crimes contra o patrimônio (furtos, roubos e formação de quadrilha), em várias cidades de São Paulo.

Já o empresário Juarez Santos é apontado como fornecedor dos caminhões e reboques utilizados para transportar as cargas roubadas pela quadrilha e responsável por esconder o produto e posteriormente revendê-lo. Autuados em flagrante pelo delegado João Rodrigo Uzzum, Juarez, Roci e Alemão ficarão custodiados na Unidade Especial Disciplinar (UED), no Complexo da Mata Escura em Salvador.

Fonte e Fotos: SSP
 

Nenhum comentário: