segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Acusado de matar jovem por causa de uma cerveja é detido


Policiais do Serviço de Investigação da 1ª Delegacia conduziram Claudio Cruz de Jesus, conhecido como “Junior”, 20 anos, acusado do mesmo assassinar, no ultimo dia 31, o jovem Edielson Pereira dos Santos. De acordo com os policiais, após o crime, imediatamente, o S I, começou a trabalhar e após a identificar o autor, se deslocaram várias vezes até o Expansão do Feira IX, a procura do acusado.

Mas, na tarde de ontem (7), os policiais conseguiram prender o acusado e encaminhar-lo para o Complexo Policial Investigador Bandeira. Na delegacia, Claudio contou os motivos que o levasse, a cometer o homicídio.

“Há dias que ele vinha procurando confusão comigo, um dia anterior, teve uma festa, próximo de casa, sendo que, quando fui até um bar, para tomar uma cerveja, ele (a vitima), se encontrava e queria que eu pagasse uma cerveja para ele, falei que pagaria se ele fosse meu amigo, como não era, não paguei, discutimos, fui para casa, numa boa. Quando foi no dia seguinte, estava no bar de novo, e ele queria que pagasse a cerveja, discutimos de novo, e um amigo meu, me deu o revolver e deflagrei os tiros nele”. Contou Junior.

O acusado alegou ainda que, “após, eu matar ele, fui para minha casa, dormir numa boa e no outro dia que fui se esconder na casa de um amigo, mas, os policiais conseguiram me prender, agora vou responder o crime”.

Claudio foi ouvido e liberado, já que o mesmo não foi preso em flagrante.

3 comentários:

Anônimo disse...

engraçado a policia de feira quando quer pegar pega ligeirinho,meu filho foi morto há 1ano e eles nem se mexem por que sera!!!!!!!.

Anônimo disse...

P Q SEU VIRO NO MÌMINO DEVERIA SER MALA SUJA...

Anônimo disse...

é mas ele tinha q ficar preso mesmo sendo fragante ou nao ai só nao poderia ser uma pena como se fosse fragante na hora mas tinha q ficar detido.