sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Criança de 11 anos é torturada pelo próprio pai


O verdureiro Joel Santiago Machado, 44 anos, está preso na Delegacia Pública da cidade de São Gonçalo dos Campos após torturá o próprio filho de 11 anos por causa de R$ 200,00. Fato aconteceu na tarde da última quinta-feira por volta de 16 horas na residencia do acusado que fica localizada no Povoado de Tapera no município de São Gonçalo dos Campos.
O delegado Gean Silva Souza titular da delegacia da cidade afirmou para reportagem que Joel foi autuado em flagrante por tortura devido os ferimentos que ficou no corpo da criança (Próprio filho de 11 anos). “O fato aconteceu por volta de 16 horas de ontem (Quinta-feira), sendo que o acusado foi preso as 19,30 horas por policiais militares e trazido para esta delegacia, aqui o verdureiro afirmou que seu filho teria pegado a importância de 200 Reais e por isso castigou batendo com um chicote (Taca de cavalo) além de socos no rosto da criança, devido a gravidade dos ferimentos Joel foi autuado em flagrante por tortura e também devido que já é a segunda vez que ele agredi o mesmo filho, mas a primeira vez ele foi autuado por lesões corporais”.
O delegado afirmou que a criança encontra-se hospitalizada no Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA) praticamente com rosto desfigurado devido a tortura. Joel Machado encontra-se preso na carceragem da Delegacia Pública de São Gonçalo a disposição da justiça.
Arrependimento
O verdureiro Joel Machado emocionado afirmou para a reportagem do Folha do Estado que está arrependido com o castigo que deu o próprio filho de 11 anos “Eu jamais iria bater em meu filho e nem em filho de ninguém do jeito que estão falando, o que aconteceu foi que ele pegou 200 Reais meu, sendo que esse dinheiro era para eu quitar uma divida, perguntei para ele o que ele fez com o dinheiro ele respondeu que tinha enterrado no quintal de casa, ai ele começou a escavar, mais não achava, em seguida peguei a taca de cavalo e fiquei fazendo medo nele, ele respondeu que tinha dado o dinheiro a mãe, fiquei aborrecido e comecei a bater nas pernas dele com a taca de cavalo, mais eu só bati nas pernas, ai ele saiu correndo e se bateu na parede causando todo ferimento em seu rosto, e o povo está me acusando, que fui eu que o espanquei, jamais eu iria fazer isto com um filho meu”.

Nenhum comentário: